Geane Masago

Um espaço todo seu para puro deleite do leitor, aqui voce encontrará a poesia intimista. Seja bem vindo.

Wind love

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

ALUADO PROFANOMARUJO & Poesia do marujo





Poesia do marujo

_________________________Além-mar

Roubas-te uma alma de suas entranhas,
furtas-te lágrimas e os dessentidos.

Não sabia, se era dor ou amor?
Mas era!

Por cada poro, um sufoco.
Uma vontade desesperada de
sair gritando um "te amo!"

Um misto de
céu e chão,
de fogo e gelo,
vulcão em erupção.

Quem explica,
uma alma faminta,
uma alma roubada,
num mundo-palavras?

Alguém chorou,
alguém amou!

Alguém foi e,
nunca mais voltou!
(09-11-2012)

Imagem; O hiper-realismo de Steve Mills (n.1959), "Aurora".

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário