Geane Masago

Um espaço todo seu para puro deleite do leitor, aqui voce encontrará a poesia intimista. Seja bem vindo.

Wind love

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

?


Porque foges de mim
se mal, nunca lhe fiz?

Porque foges de mim
se tu me amas e me deixas assim?

Porque foges de mim
se o amor, é uma frágil flor-de-liz?

Mas,
mesmo assim,
te amo,
assim...
Geane Masago
(10-11-2012)

Nota; A poesia é como uma prece. Depois de cantada aos ares, alguém é tocado por ela.

Nenhum comentário:

Postar um comentário