Geane Masago

Um espaço todo seu para puro deleite do leitor, aqui voce encontrará a poesia intimista. Seja bem vindo.

Wind love

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Entre eu e ela



Quando penso em voce esqueço-me.
Mas como? Isso não pode acontecer!

Se eu, sou voce...

Não posso, diluir-me.
Morro e mato-me em poesia!
Geane Masago
(16-01-2013)

Nenhum comentário:

Postar um comentário