Geane Masago

Um espaço todo seu para puro deleite do leitor, aqui voce encontrará a poesia intimista. Seja bem vindo.

Wind love

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Poésie

Se,
me rasgo inteira
em rimas loucas.

É,
porque louca, voce me põe então
dê-me o alivio tão desejado.

Sim,
quando o delírio se achega,
nasce-verte a poesia.

Então,
tira-me o ébrio
dando-me o ópio (êxtase).

Portanto,
não me deixa assim,
louca de vontade de voce!
Geane Masago
(13-02-2013)

Nenhum comentário:

Postar um comentário