Geane Masago

Um espaço todo seu para puro deleite do leitor, aqui voce encontrará a poesia intimista. Seja bem vindo.

Wind love

terça-feira, 30 de abril de 2013

A semeadura

A semeadura

Mas quando todas as flores
da triste-doce vida secarem
semearei esperanças.

Mas quando o céu parar chorar
chorarei por ele, neste solo de terra
rachado-batido e cansado.

Tombarei a terra por terra
pra ver o inovo ressurgir
E o jardim-da-vida, florir!
Geane Masago
(30-04-2013)

Nenhum comentário:

Postar um comentário